A ZW Design e a Front BH, em mais uma parceria, desenvolveram o projeto de um display holográfico para experimentos de novas formas de mídia.

O display holográfico

Qualquer tecnologia suficientemente avançada é indistinguível da mágica. – Arthur C. Clarke

A frase de Arthur C. Clarke (escritor e inventor britânico) representa a sensação que temos com o display holográfico. O modelo desenvolvido pela ZW Design e Front BH possibilita a visualização em três faces do objeto a ser exposto (frontal, lateral esquerda e lateral direita), ampliando a ilusão da holografia, enfatizando o objeto e aumentando o impacto e a experiência do expectador. Ainda existem diversas possibilidades de desdobramento e aplicações desse tipo de mídia com suporte de outras tecnologias.

Aplicação no mercado

O tema desta holografia foi escolhido de forma livre, à título de demonstração, no entanto, trata-se de um trabalho de muito esforço, focado na realização de novos negócios para ambas as empresas. As possibilidades de abordagem de um produto dentro dessa mídia são vastas e o display holográfico pode ser feito em diversos tamanhos e formatos, possibilitando que um ou mais produtos sejam explorados. A holografia é um recurso de vanguarda ainda pouco explorado, por isso, o nível de apelo e curiosidade com o público é muito alto.

A holografia

As duas empresas já trabalham em projetos de holografia há alguns meses e, no final de 2014, apresentaram em sua festa de fim de ano a holografia desenvolvida para o personagem Son Goku, do mangá japonês Dragon Ball.

zwdesign-goku

 

A inspiração foi tirada de dentro da própria ZW Design, onde o action figure (brinquedo de alto padrão para adultos) faz parte de nossa decoração (créditos ao @raphaelsramos). No mangá, Goku tem uma técnica chamada Kamehameha (かめはめ波 Onda Destrutiva da Tartaruga“), um golpe que concentra parte do Ki e dispará-o pelas mãos e, no processo, Goku concentra tanto seu Ki, que este aparece em volta de seu corpo em ondas de energia e luz. A partir disso, pensar em como seria a holografia foi um processo natural e divertido, desde os estudos de como o personagem se comporta nos animes até o mapeamento de sua posição em 3 dimensões no computador. A trilha sonora é de Bruce Faulconer, e se chama “SSJ3 Powerup”.

Vejam abaixo como ficou a filmagem que fizemos do display holográfico funcionando com a holografia do Goku. Kamehameha!